Operações e Mercado

o mercado apaixonante do café

O MERCADO DE CAFÉ

Um mercado competitivo e apaixonante

O café já foi responsável por cerca de 75% das exportações brasileiras. Atualmente, devido à enorme diversificação das exportações e à abertura ao mercado externo, esse percentual não ultrapassa a casa dos 2,5%. Analisando esse quadro, poderíamos dizer que o produto perdeu internamente a sua importância econômica. Isso, porém, seria um grande erro. O cultivo do café proporciona renda a mais de 5 milhões de brasileiros, fixando-os à terra e colaborando para evitar o êxodo rural. Portanto, além de continuar a proporcionar dividendos econômicos, o produto também exerce um importante papel social para o desenvolvimento do País.

Dentre os vários itens que compõem e influenciam o mercado do café, o principal é a variação de preço do produto. Volume de produção, fatores climáticos e geográficos, oscilações de câmbio e competitividade acirrada influem diretamente no valor da saca. Como dado de análise, ao iniciar as suas operações, a UNICAFÉ comercializava o produto por US$ 117,00 a saca. Desde então, atingiu pico de quase três vezes este valor, em mais de uma ocasião. Não surpreendentemente, o mercado de café é considerado o mais volátil dos mercados.

Diante desse quadro, é fundamental possuir uma estrutura operacional capaz de acompanhar todas as peculiaridades desse disputado mercado. A UNICAFÉ possui, além dessa estrutura, um diferencial importante em relação a seus concorrentes: paixão pelo negócio, dedicação e profissionalismo. Paixão essa que possibilitou a superação desses obstáculos e o alcance, nos últimos 5 anos, da expressiva marca de 2 milhões de sacas/ano exportadas para mais de 40 países do mundo.

Tecnologia a serviço da qualidade

Ano após ano, a UNICAFÉ investe em tecnologia no processo produtivo de suas exportações. Isso, aliás, é fator fundamental para o sucesso da operação, desde o plantio, classificação, preparação dos grãos, até o momento em que o produto é embalado para embarque. As tecnologias e técnicas mais modernas existentes no mercado são empregadas pela empresa nestes processos.

NOVOS NEGÓCIOS

Além da exportação de café, nos últimos 20 anos a UNICAFÉ diversificou seus negócios com novas operações comerciais.

NOVOS NEGÓCIOS

A aquisição de duas grandes fazendas, no Espírito Santo e em Minas Gerais, vislumbrou novos horizontes e metas.

A fazenda Galiléia, no Espírito Santo, tem uma plantação de cerca de 3 milhões de pés de café. Nas áreas onde o plantio não é recomendado, mais de 700 mil pés de eucalipto fazem parte de uma grande reserva florestal.

Em Minas Gerais, a empresa diversificou ainda mais. Entrou para o negócio da criação de gado de corte, inclusive participando de exposições e recebendo prêmios pelos animais de raça apresentados.


FAZENDA DERRIBADINHA

A Fazenda Derribadinha está localizada no Município de Carlos Chagas, Nordeste de Minas Gerais, e limite com a cidade de Nanuque, possuindo mais de 8.6 hectares de área, e mais de 7.100 hectares em áreas de pastagens.

Carlos Chagas, por muitos anos, foi considerada a Capital Mineira do Boi, o que serviu de grande estímulo a atividade pecuária devido ao excepcional clima da região, bem como de suas terras férteis.

Esta fazenda é modelo na comercialização de Gado de Corte, atuando com matrizes de Reprodutores Nelores PO e do Composto Tropical Montana.

Mantemos em nossa propriedade, uma média anual de 3.500 matrizes, entre Nelore PO (Puro de Origem) e também o Composto Tropical Montana

A raça Nelore é considerada Pura de Origem, sendo uma raça predominante no Brasil, contando atualmente com 85% do rebanho total no País, e é altamente utilizado como raça base para o cruzamento de gado de corte no Brasil. A raça Nelore possui RGN/RGD, isto é, Registro Genealógico (nascimento/definitivo) emitido pela ABCZ (Associação Brasileira dos Criadores de Zebu.

O Composto Tropical Montana é possuidor do CEIP – Certificado Especial de Identificação e Produção (Composto Tropical Montana), possuindo certificado emitido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. O Selo CEIP assegura a procedência, produtividade e potencial genético do animal, isto é, oferece a garantia de que todo e qualquer touro está entre os 26,5% melhores machos da sua safra.

Esta avaliação genética possui certificado emitido pela USP Pirassununga em São Paulo.

O Composto Tropical Montana, é atualmente o possuidor do maior banco genético do mundo, onde estão os genes dos touros mais destacados entre as mais de 37 raças diferentes obtidas de 943 touros diferentes, obtidas em 4 diferentes continentes.

A UNICAFÉ tem participado em Exposições Regionais da Raça Nelore, tendo a participação em Gado de Pista Nelore PO ranqueada, com julgamento e classificação dos animais.

A Unicafé pertence à Associação Brasileira dos Criadores de Zebu e também a Associação Capixaba de Criadores de Nelore do Espírito Santo, possuindo atualmente mais de 22.000 associados.

A ACCN – Associação Capixaba de Criadores de Nelore promove a EXPOINEL-ES – Exposição Internacional do Nelore no Espirito, que organiza e apoia os Simpósios de Pecuária e o CCPB – Congresso Capixaba de Pecuária Bovina do Espírito Santo.


FAZENDA GALILÉIA

A Fazenda Galileia está localizada no Distrito de Alto Mutum Preto, município de Baixo Guandu, no Espírito Santo.

Possui mais de 392 hectares em plantações de Eucalipto, por volta de 193 hectares de Cafés Arabica e 134 hectares de Cafés Conilon, sendo deste total 79 hectares de Café Conilon irrigado.

Baixo Guandu está posicionado como a 27º. maior do estado do Espirito Santo, sendo o primeiro município do país a ter água Fluoretada (1953). A região também é relevante na Extração Mineral (Granito), para mercado interno e o seu volume maior para a Exportação.

A Fazenda Galileia possuir uma topografia irregular, que embora não favoreça a pecuária, permite que a agricultura da região desenvolva de forma abundante.

A fazenda Galileia opera com a colaboração de mais de 60 trabalhadores residentes, e por volta de 132 trabalhadores temporários, durante o período de colheita de café.

Como forma de ampliar as melhorias na propriedade e também buscar melhor atender aos funcionários, diversas benfeitorias foram executadas na Fazenda Galileia, priorizando o atendimento a saúde com ambulatório médico na propriedade, residências com água, luz e esgoto, escola de 1ª. a 4ª. série, seguro saúde, desconto em medicamentos, treinamento, bem como um campo de futebol para a prática regular de atividades esportivas.

A comercialização de Eucalipto, é uma estratégia adotada para permitir a diversificação dos produtos na fazenda, e assim permitir o melhor uso da terra, respeitando os recursos disponíveis, uma vez que a fazenda é dotada de mais de 81 hectares de Área de Preservação Permanente.

Além disto, a comercialização do Eucalipto atende as demandas existentes no mercado interno, atuando no fornecimento de matéria prima para as Usinas e Industrias de Celulose da região, bem como Serrarias.

A Fazenda Galileia também produz Café Arabica e Conilon, totalizando por volta de 326 hectares de área plantada, além de possuir 79 hectares em Café Conilon irrigado.

Desta forma, toda a produção de café é caracterizada pela qualidade de seu grãos, permitem o atendimento do mercado interno regional.